VIDA SEXUAL DE MULHERES COM INCONTINÊNCIA

19/01/2020

A Incontinência urinária tem um forte impacto na qualidade de vida, tanto na esfera profissional, pessoal, social, nas atividades de vida diária, como caminhar, dançar , correr, podendo levar a distúrbios emocionais como ansiedade e depressão.

No que se refere a sexualidade não poderia ser diferente, 26% das mulheres que sofrem de Incontinência relatam prejuízo em sua qualidade de vida sexual também, queixam-se de redução da freqüência de atividade sexual, perda do desejo, distúrbio de excitação, pouca lubrificação e dificuldade de chegar ao orgasmo. Devido à redução da libido e da diminuição da lubrificação muitas mulheres passam também a ter dor na relação.

Em geral a perda urinária que ocorre durante a penetração está associada ao quadro de Incontinência de esforço, já as perdas que se manifestam durante o orgasmo podem estar relacionadas à síndrome da bexiga hiperativa, os dois tipos de incontinência tem forte impacto negativo na vida sexual da mulher.

Recebo muitas pacientes que procuram a fisioterapia apenas para tratamento de incontinência, mas na avaliação ao serem questionadas sobre a função sexual apresentam queixas de disfunção sexual associada.

A fisioterapia pélvica é a primeira linha de tratamento para todos os tipos de incontinência. A reabilitação muscular normaliza o tônus, melhora a força e capacidade de contração dos músculos do assoalho pélvico mantendo continência e otimizando a resposta sexual, melhora o fluxo sanguíneo local, a lubrificação, a sensibilidade, favorece excitação e o orgasmo. 

Os músculos pubococcigeo e ileococígeo são responsáveis pelas contrações involuntárias ritimadas que ocorrem durante o orgasmo, quando há uma melhora na força muscular a mulher passa a ter mais facilidade se excitar, de chegar ao orgasmo, e de perceber a presença dessas contrações.

A fisioterapia contribui ainda com informação, esclarecimento e orientação a respeito da anatomia, do funcionamento do corpo da mulher, da resposta sexual feminina, estimula o auto conhecimento que é muito importante para se ter uma realação sexual prazeirosa, a mulher que não conhece o funcionamento do seu corpo, não explora suas área erógenas, e acaba tendo mais dificuldade de chegar ao orgasmo. 

E você, o que está esperando para se conhecer melhor? 

Gostaria de aumentar a sua auto estima e melhorar a sua qualidade de vida sexual? 

Pode ser mais simples do que você imagina, faça Fisioterapia Pelvica !!!! rs 


Viviane Ferraz Monteiro - Doctoralia.com.br
 Email: vmonteiro.fisioterapia@gmail.com                     WhatsApp:  (62) 98172-8722 ou (62) 4102-1460
Endereço: Av. T-61, no. 270, sala 208 - Setor Bueno - Goiania - GO - EM FRENTE AO SHOPPING BUENA VISTA                          
Desenvolvido por Webnode
Crie seu site grátis!