INCONTINÊNCIA E POSTURA 

28/02/2020

Durante os esforços as variações de pressão na cavidade abdominal são transmitidas para todas as estruturas pélvicas.

A inclinação da pelve, a fraqueza das musculaturas abdominal, lombar e do assoalho pélvico, modificam a direção das forças que incidem nessa cavidade.

Por isso os desvios posturais podem colaborar para sobrecarga e diminuição da capacidade funcional da musculatura do assoalho pélvico levando a Incontinência Urinária aos Esforços.

Desta forma, é importante que se tenha um olhar para as alterações posturais, e se for necessário que seja realizado um trabalho complementar de reeducação postural para garantir a manutenção da continência.

Viviane Ferraz Monteiro - Doctoralia.com.br
 Email: vmonteiro.fisioterapia@gmail.com                     WhatsApp:  (62) 98172-8722 ou (62) 4102-1460
Endereço: Av. T-61, no. 270, sala 208 - Setor Bueno - Goiania - GO - EM FRENTE AO SHOPPING BUENA VISTA                          
Desenvolvido por Webnode
Crie seu site grátis!