8 SINAIS QUE MERECEM ATENÇÃO QUANDO O ASSUNTO É CÂNCER DE MAMA

08/12/2018

O câncer de mama é o que mais acomete as mulheres, depois do câncer de pele. O CA de mama ainda é a principal causa de morte por câncer em mulheres no Brasil.

Segundo a Sociedade Brasileira de Mastologia cerca de 50% dos cânceres são evitáveis, os dados epidemiológicos dos últimos 50 anos mostram a estreita relação entre estilo de vida, fatores ambientais e o surgimento do câncer. 

Os principais fatores de risco para a doença são: menarca precoce, menopausa tardia, idade avançada da primeira gestação, excesso de peso na pós menopausa, nuliparidade, consumo de álcool, tabagismo e doenças proliferativas da mama, a história famliar positiva corresponde aos 10% adicionais a esses casos. A incidência de câncer de mama aumenta conforme a idade avança, especialmente acima dos 50 anos. É 100 vezes mais frequente em mulheres brancas do que em homens e na raça branca. 

As diretrizes do Instituto Nacional de Câncer para a detecção precoce incluem o rastreamento mamográfico entre mulheres de 50 a 69 anos, a cada dois anos, a conscientização sobre os sinais e sintomas suspeitos, e o encaminhamento para serviços especializados. Fazer APENAS o exame clínico das mamas e o auto-exame não são recomendados como estratégia de rastreamento devido a incerteza desses métodos de avaliação.

Sinais e sintomas suspeitos:

- Mudança no tamanho e formato do seio

- Vermelhidão ou coceira na pele ao redor do mamilo

- Vazamento

- Inchaço na axila ou ao redor da clavícula

-Nódulo mamário endurecido

- Mudança na textura da pele (aspecto de casaca de laranja)

- Inversão ou mudança da posição do mamilo

- Dor constante nas mamas ou axilas

A prática regular de atividade física e a amamentação são fatores de proteção.  É recomendado ingerir frutas e verduras diversas, alimentos ricos em ômega 3 (peixes e castanhas), dar preferência a alimentos não processados, e evitar alimentos com alto índice glicêmico (açúcar). A influência da gordura na dieta e o consumo de carne vermelha ainda  não estão claras na literatura. 

Os sintomas podem variar de um paciente para outro, ou não apresentar nenhum sinal ou sintoma. Por isso além da consulta com ginecologista e dos exames periódicos, é importante que a mulher conheça seu próprio corpo e suas mamas, e tenha o costume de fazer o auto exame. Ao notar algo diferente do habitual, procure um médico imediatamente. 

A detecção e tratamento precoces são considerados os meios mais efetivos para a redução da mortalidade por câncer de mama!


Viviane Ferraz Monteiro - Doctoralia.com.br
 Email: vmonteiro.fisioterapia@gmail.com                     WhatsApp:  (62) 98172-8722 ou (62) 4102-1460
Endereço: Av. T-61, no. 270, sala 208 - Setor Bueno - Goiania - GO - EM FRENTE AO SHOPPING BUENA VISTA                          
Desenvolvido por Webnode
Crie seu site grátis!